Aos amigos, leitores e seguidores...

Recentemente houve um aumento bem significativo de visitas internacionais e vi a necessidade de esclarecer uma coisa: Bem, todos nós sabemos, que apesar de muito mais fácil por causa da globalização, etc... muitos produtos ainda são muito específicos de cada localidade, e muitas vezes deixamos de fazer aquela receita que queremos por não conseguir encontrar esse ou outro ingrediente. Praticamente qualquer ingrediente pode ser substituído, ou adaptado. E o mais legal de cozinhar é justamente dar a sua cara á sua comida. Por isso mais uma vez disponibilizo o endereço para esclarecer qualquer dúvida ou pergunta.

Recently, has been a significant increase of international visitors and I noticed the need to clarify few things: Well, we all know that, although much easier because of globalization, etc ... many products are still location-specific, and sometimes is difficult to follow a recipe that we cannot find some of the ingredients. Almost any ingredient can be replaced or upgraded. And the cool thing about cooking is to give your own taste to the food. So once again I will provide my contacts to clarify any questions or concerns.

s.a.l.tomilho@gmail.com

31 de ago de 2011

RABADA COMO LIMPAR E UTILIZAR???


Bom, a carne do rabo bovino é deliciosa, e pode ser preparada de diversas formas, simples, com agrião e batata, como sopa, risoto ou ainda como salgadinho.
Vou dar o passo á passo simples para o pré-preparo dela.
Limpeza:
A Rabo bovino é uma carne bem gorda e existem algumas maneiras de deixá-la mais magra:
1- Retire o excesso de gordura aparente. Com a faca. corte essa gordura, só lembrando que a gordura faz a faca perder um pouco do fio (corte) então é legal ter um amolador por perto.
2- Normalmente ela vem cortada, caso contrário, faça os cortes na junção dela. No caso de usar desfiada, nem se preocupe em cortar, só retire a gordura e cozinhe inteira mesmo.
3- Para que ela fique menos gorda, coloque na pressão por 20 minutos,com volume de água de modo que fique pelo menos dois dedos acima das carnes. Espere a pressão sair, e coloque em uma panela alta, ou na própria panela do cozimento na geladeira por 12 horas, ou no freezer por 4 horas. Vai se formar uma crosta branca ou amarelada. Isso é a parte da gordura concentrada nela. Retire com uma colher os escumadeira e descarte.
* Para utilização do Caldo: (sopas, risotos, recheios, etc...)
 Coloque na pressão por mais 40 minutos ou até que esteja soltando do osso. O ideal e colocar na pressão com uma ou duas cebolas grandes cortadas em 4, pelo menos 4 dentes de alho e uma pitada de sal, isso vai deixar sua carne mais temperada além de deixar o caldo (que pode ser usado para diversas coisas como base de uma sopa) delicioso. Depois de bem cozida, tenho por costume retirar a carne e os osso, e bater o resto, transformando em um caldo mais grossinho. Uma boa é congelá-lo e utilizar no preparo de diversos pratos ao invés de caldo de carne industrializado. Ou ainda pode ser engrossado com um pouquinho de farinha, ou apenas creme de leite. Se for usar para um desses dois fins, antes, coloque para ferver até reduzir pela metade. Isso vai diminuir o espaço utilizado no freezer e tornar seu creminho mais gostoso. à partir daí use sua criatividade, utilize legumes ou outros, invente purês com esse caldo ou use como base para um risoto por ex. São infinitas possibilidades.
Outra boa dica é usá-lo como falei antes no lugar do cubinho industrializado: como?
* Para utilização da Carne ( recheios, decoração, risotos, etc...)
Desfie a carne já cozida.
Para o caso de recheios: Essa carne, mesmo sem o caldo é bem molhadinha, dá uma liga excelente pelo excesso de gordura, então cuidado na hora de preparar os recheios, pois pode deixar a massa bem úmida.O ideal é deixar ela cozinhar no caldo do cozimento até quase secar, você pode acrescentar um pouco de farinha de trigo para fazer um creme e utilizar no recheio de pastéis por ex. Mas digo que por experiência própria, quando não está acompanhada de agrião e/ou batata, mesmo com seu gosto característico as pessoas não remetem á rabada.
Como decoração: Em uma frigideira com Manteiga, óleo ou Azeite (manteiga deixa um gostinho melhor), frite a carne desfiada (bem desfiada) até ficar bem sequinha. (quase seca mesmo, esturricada), deixe escorrer em papel absorvente e salpique por cima do prato que vai servir.
Como Risoto, refogue o arroz, utilize o caldo do cozimento como base e só acrescente a carne desfiada, pode ser de maneira grosseira no final do preparo (isso vai evitar que ela desapareça.
* Uma coisa bem importante é que os ossinhos menores são difíceis de descarnar, eles podem ser utilizados como decoração dos pratos, e isso vai deixar aquela sensação gostosa de "chupar o ossinho". Para isso, você pode utilizar ele só cozido, ou dar uma fritadinha para criar aquela "capinha" crocante. Nesse caso, retire os ossinhos após a primeira cocção (aquela no início da postagem, de 20 minutos, se a carne ainda estiver dura, termine o cozimento na panela comum. Desta forma você vai preservar a forma original.

Veja algumas receitas na postagem MIÚDOS E OUTROS.
Ainda existem diversas outras maneiras de utilizar...descubra a sua e depois me mande a receitinha, claro !!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário